O que fazer quando o celular é roubado

Infelizmente esse é o tipo de artigo que lemos só depois de sermos roubados. Mas se você nunca foi, se atente as dicas.

by Mateus Ribeiro

O que fazer quando o celular é roubado
Photo by camilo jimenez / Unsplash

Share

🤜
Antes de tudo, se você sofreu um assalto, fique perto de pessoas que te ajudem e fique calmo, tudo vai ficar bem. Tenha certeza.

Nunca se sabe onde um assalto pode acontecer, é algo que está além da nossa percepção e cuidado, e sério, um assalto pode acontecer em uma cidade de interior, como em metrópoles como São Paulo.

E esse guia foca em ações que você deve tomar logo após isso acontecer. Vamos lá.

Procure um local seguro

Se você estiver em condições de se locomover, procure um local seguro, uma loja, comércio próximo ou mesmo uma casa na proximidade. Não fique no mesmo local, você está vulnerável.

Lembre-se do que foi roubado ou levado

Veículo, celular, smartwatch, documentos, cartões e jóias. É importante ter em mente o estava com você. Após o assalto, você deverá fazer o Boletim de Ocorrência.

💡
Muitas pessoas tem dificuldade de raciocínio em situação de estresse. Ninguém é o Batman. Procure alguém que possa ir com você na delegacia ou que possa te ajudar a preencher o Boletim Online

Se seu celular foi roubado, procure a caixinha dele, lá costuma ter um etiqueta com o código IMEI, que é basicamente a identidade do seu celular. Se você não encontrar a caixinha, é possível encontrar o código na nota fiscal do produto ou até mesmo no site da sua operadora, no portal do cliente.

Além disso, anote o número dos seus documentos roubados, e os dados das contas de bancos que você usava no aparelho, e o mais importante, faça o esforço de lembrar dos dados de acesso da sua conta do Google (Android) ou do iCloud (Apple) que você

Registre o Boletim de Ocorrência

O registro do Boletim de Ocorrência não significa que você terá seus pertences de volta. Mas garante que o uso inadequado, não irá trazer tanto prejuízo a você.

Todas as informações que você juntou serão necessárias quando você for registrar o Boletim.

Leve alguém com você. O próprio ambiente policial tem uma tendência de nos deixar mais nervosos, além do mais, você terá que responder perguntas e descrever tudo o que aconteceu, o que você viu e outras coisas que são relevantes. Então repito, se possível vá com alguém para te apoiar.

Se você for orientado na delegacia ou achar melhor fazer o Boletim Online, basta clicar no botão que corresponda a Delegacia Virtual do seu estado:

Região Norte

Estado Site da Delegacia Virtual
Acre Delegacia Virtual - Sinesp
Amapá Delegacia Virtual - Sinesp
Amazonas Delegacia Virtual - Sinesp
Pará Delegacia Virtual
Rondônia Delegacia Virtual - Sinesp
Roraima Delegacia Virtual - Sinesp
Tocantins Delegacia Virtual - Sinesp

Região Nordeste

Estado Site da Delegacia Virtual
Alagoas Delegacia Virtual - Sinesp
Bahia Delegacia Virtual - Sinesp
Ceará Delegacia Virtual
Maranhão Delegacia Virtual
Paraíba Delegacia Virtual
Pernambuco Delegacia Virtual
Piauí Delegacia Virtual - Sinesp
Rio Grande do Norte Delegacia Virtual - Sinesp
Sergipe Delegacia Virtual - Sinesp

Centro-Oeste

Estado Site da Delegacia Virtual
Distrito Federal Delegacia Virtual
Goiás Delegacia Virtual
Mato Grosso Delegacia Virtual
Mato Grosso do Sul Delegacia Virtual

Sudeste

Estado Site da Delegacia Virtual
Espírito Santo Delegacia Virtual
Minas Gerais Delegacia Virtual
Rio de Janeiro Delegacia Virtual
São Paulo Delegacia Virtual

Sul

Estado Site da Polícia Virtual
Paraná Delegacia Virtual
Rio Grande do Sul Delegacia Virtual
Santa Catarina Delegacia Virtual

Bloqueie e limpe seu aparelho celular

Não tenha medo de perder seus arquivos salvos no aparelho. Em alguns sites na internet você é orientado a esperar para realizar o bloqueio do aparelho, mas minha orientação é que você não se apegue a dados.

Um aparelho repleto de informações nas mãos de bandidos é muito pior que suas fotos serem apagadas.

E sério, não fique tentando rastrear ele. Com a senha da sua conta do Google ou do iCloud, acesse o site do fabricante e bloqueie o aparelho. Após a limpeza, todos os seus dados serão apagados do aparelho, como fotos, contatos e dados bancários.

Quando você entra no site do fabricante, é exibido o último local em que o aparelho esteve. Tire um print da tela e tente salvar o endereço. Mas limpe ele o quanto antes.

Bloqueie o CHIP do aparelho

Essa etapa é fundamental, pois, a maioria dos serviços, com e-mail, sites de compras, aplicativos de streaming e bancos utilizam o seu número de celular para recuperar a senha.

É através do seu chip que um criminoso poderá acessar suas informações ou roubar seu WhatsApp e outros aplicativos. Com o chip bloqueado, será muito difícil para o bandido fazer essa ação.

💡
Importante lembrar que você deve bloquear o CHIP e não a sua linha, porque, posteriormente, você poderá "passar" o mesmo número para outro chip, sem riscos, sem prejuízos.

Cada operadora tem seu próprio manual de como bloquear o chip.

Operadora Telefone Orientações
TIM 1056 Site Oficial TIM
Vivo *8486 ou 1058 Site Oficial Vivo
Claro 1052 Site Oficial Claro
Outras Operadoras Verificar os canais de atendimento

E lembre-se, o chip pode ser desbloqueado. Você pode fazer isso na loja da operadora ou por telefone. Lembrando que somente o titular da linha pode fazer isso.

E ressaltando que você NÃO precisa do Boletim de Ocorrência para fazer isso.

Altere as senhas de todas as suas contas

Esse é um passo cansativo, mas a segurança é fundamental. Acesse todas as suas contas e altere as senhas.

Isso vale para contas de e-mail até senha do cartão.

Para contas de redes sociais e de e-mail, você deverá acessar a página do serviço e alterar.

Utilize outro aparelho para realizar as alterações. Se não conseguir encontrar um aparelho, ligue para a Central do seu banco. Se não souber para qual número ligar, procure o telefone no próprio cartão, lá está listado o número correto.

Mas minhas senhas já foram alteradas

Aí, você deverá procurar as opções de recuperação da sua conta. Se nenhuma opção estiver disponível, você deverá procurar um e-mail ou telefone de suporte.

Conclusão

Ninguém está inume a ser roubado, então, sempre se previna utilizando senhas com mais de 8 dígitos, misturando letras e números.

Sempre cadastre outros meios de recuperação de senha, e adicione uma camada extra de segurança, como códigos de dois fatores.

Espero que eu tenha conseguido ajudar e te convido a participar nos comentários e compartilhar para todo mundo.